Mercado Chinês pode influenciar nos negócios da sua agência

Mercado Chinês pode influenciar nos negócios da sua agência

Se até há pouco tempo, o desenvolvimento das inovações mais importantes estava centrada em países da União Europeia, Estados Unidos, Canadá e Japão, ao que tudo indica, agora chegou a vez da China.

A China tem realizado grande investimento em ciência e tecnologia. Possuindo atualmente uma das economias que mais crescem no mundo. A média de crescimento econômico deste país, nos últimos anos é de quase 7%. Segundo o site O Globo, a China fixou a meta de crescimento em 6,5% para 2018. Atualmente, a economia chinesa representa cerca de 15% da economia mundial.

Alibaba e o sucesso no e-commerce

Fonte: Bigstock

O Alibaba é uma empresa chinesa de internet que ganhou fama com o comércio virtual, mas também atua em outros negócios, como pagamento online. Com sede na China e atuação em outros países, ela faz frente a gigantes como Amazon e eBay. O mais conhecido no Brasil é o AliExpress, loja virtual famosa por preços baixos e que entrega em 200 países. Além deste, o Alibaba tem outros sites:

  • Taobao, de compra e venda entre consumidores;
  • Tmall, de compra e venda entre pequenas empresas;
  • Aliyun, que tem serviços como o AliCloud, de armazenamento de dados;
  • Alipay, que tem um sistema semelhante ao Paypal, de pagamento pela internet.

Os braços que compõem o conglomerado Alibaba dominam completamente o e-commerce na China, um país que tem mais usuários de internet do que qualquer país tem de habitantes, com excepção da Índia.

A missão do grupo é “tornar fácil fazer negócios em qualquer lugar”. A ideia do nome veio do criador, uma vez que pode ser pronunciado facilmente em muitas línguas, é bastante conhecido ao redor do mundo, e lembra a famosa frase “Abre-te Sésamo”, que representa a plataforma do grupo, “abrir uma porta para a fortuna das pequenas empresas”.

Em 2014, o grupo Alibaba assinou um acordo de cooperação com os correios para facilitar as transações comerciais entre o Brasil e a China, voltado principalmente para permitir que micro, pequenas e médias empresas tenham melhor acesso às opções de e-commerce chinês por meio da plataforma do Alibaba.

Esta gigante chinesa não pára por aqui, eles estão diversificando ainda mais os negócios ao criar ofertas de mídia digital e entretenimento, como a plataforma de streaming de vídeo Youku.

Que lições o mercado chinês pode trazer para as agências?

Ousadia nos negócios é uma característica forte no mercado chinês. Segundo um estudo recente da Adyen, até 2020 estima-se que o mercado chinês vai valer mais que os mercados dos Estados Unidos, Reino Unido, Japão, Alemanha e França juntos.

A China conta hoje com 731 milhões de internautas – e de longe tem o maior número de usuários online do planeta – e 76% das compras na internet são feitas via aparelho mobile, e os empreendedores chineses sabem aproveitar bem esta oportunidade, como podemos confirmar nos exemplos que seguem:

  • Comprar online também é entretenimento. Os compradores querem ser entretidos e grandes eventos estão sendo criados para atender esse desejo. Exemplo disso é o sucesso do e-commerce chinês no Dia do Solteiro, que movimenta US$14,3 bilhões.
  • Os chineses inovam muito quando o assunto é vender. Com foco na interface de usuários na navegação dos sites, evoluíram muito na apresentação visual dos sites e fotos dos produtos.
  • Descontos são fundamentais para ter sucesso. Os consumidores gostam bastante de saldos e promoções e os chineses sabem fazer isso como ninguém.

Este ano a Digitaltalks apresenta a DIGITAL MISSION DIGITALKS CHINA 2018. Serão 9 dias de importantes conferências sobre tecnologia e startups. Os participantes terão ainda oportunidade para conhecer Shenzhen uma das maiores e mais importantes cidades da China, conhecida como o Vale do Silício do Hardware, um dos maiores hubs globais de manufatura e referência em IOT (internet das coisas) e realidade virtual.

Ficar de olho neste evento, ainda que à distância pode ajudar sua agência a aprender mais – e rápido – com com quem em breve, assumirá a dianteira no tabuleiro tecnológico mundial.

Veja Também:

Conteúdo inteligente: sem ele não existe Inteligência Artificial O futuro da Inteligência Artificial (IA) e sua relação com a utilização de conteúdos inteligentes são assuntos que chamam a atenção de muitos estudios...
AI está mudando a forma de fazer conteúdo A Inteligência Artificial (AI) assumirá tarefas e profissões baseadas nas repetições de padrão. Isso é fato. Mas você sabia que, ainda assim, há luga...
O comentarista esportivo que você conhecia mudou, e para melhor! Lições do novo comentarista esportivo para o marketing de conteúdo! Pode ser dentro de uma cabine abafada e apertada em um estádio de futebol ou em u...
Tá russo? Não para nossa seleção! Conheça 8 curiosidades sobre a Copa do Mundo na Rússia! Regido pela batuta do maestro Tite, mais de 200 milhões de corações pulsam em um único ritmo:...

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar

wpDiscuz