Aprenda a planejar a curadoria de conteúdo

Aprenda a planejar a curadoria de conteúdo

Você pode pensar que a curadoria de conteúdo resume-se apenas a escrever e distribuir. Mas ela vai muito além disso! Para que essa estratégia seja bem sucedida é necessário fazer, como em outras ações dentro do marketing digital, um planejamento.   

Você precisa pensar previamente nos materiais mais adequados para sua estratégia, em quais canais promovê-los e em que momento. E claro, precisa ter uma forma prática de visualizar todas estas informações.

Quer saber tudo sobre como fazer um planejamento que dê certo e seja cumprido à risca? Continue lendo esse post!

# Passo a passo para fazer um planejamento de curadoria de conteúdo

Agora é hora da parte mais importante… Planejar! A partir das suas ideias, e de como elas estiverem organizadas, é que todo o processo de curadoria será realizado. Conheça, abaixo, 5 passos para colocar esse processo em prática.

Passo 1: Faça um calendário

Antes de pensar em colocar a mão na massa e iniciar o planejamento das pautas é necessário organizar-se. E, nessa hora, seu melhor aliado será adotar um calendário editorial.

Ele vai poupar tempo de todos os envolvidos no processo de curadoria. Como as  informações estarão organizadas dia a dia, possibilita um entendimento mais profundo do que já foi produzido, das peças disponíveis para publicação e do que ainda será publicado.

Um calendário bem feito e equilibrado é garantia de tranquilidade e assertividade! E importante: nessa hora menos é mais. Procure deixar claro todo o processo. Quanto mais descomplicado (e até certo ponto flexível), maiores as chances dele dar certo.  

A Motor de Conteúdo desenvolveu um modelo de calendário editorial que pode ajudar no processo de organização. Conheça-o aqui!

Passo 2: Use as redes sociais

O segundo passo é iniciar a estratégia prática usando as redes sociais. O Facebook, Twitter e Instagram são excelentes maneiras de saber o que acontece, praticamente em tempo real, no mundo. Vale a pena seguir os perfis de veículos importantes e do seu nicho e também abusar das ferramentas de busca.

O Twitter, por exemplo, tem investido cada vez mais pesado na filtragem de conteúdos. É possível ter um cenário completo de um assunto que está sendo discutido, com o comportamento dos usuários e o que eles estão compartilhando:  imagens, vídeos e links.

Criar alertas no Google sobre temas relevantes para o negócio também é uma ideia a ser seguida. Não esquecer também de investigar e monitorar os concorrentes! Saber com o que eles se importam e quem seguem é pensar um passo à frente.    

Mas não gaste muito tempo com isso, ok? Sim, quem procura acha, porém essa ação é só uma parte da estratégia.

Passo 3: Foque nos objetivos

Com o ‘feeling’ do que o mundo digital está falando, é hora de planejar. É importante pensar que todos os conteúdos que forem curados precisam ter dois objetivos principais: gerar leads e fidelizar clientes.  

Assim, é importante alinhar os assuntos a serem abordados com o time de vendas, mesclando assuntos interessantes à persona como a repercussão de tendências, estudos e novas legislações, por exemplo.     

Passo 4: Oriente os redatores

E escolhidos os temas, oriente os redatores a dar preferência a veículos que tenham renome e credibilidade. Tudo para não ser vítima de uma fake news e acabar, sem querer, disseminando uma notícia falsa.

Outra dica importante é explicar que plágio e curadoria são bem diferentes. Enquanto a primeira apenas se limita a copiar um texto original sem citar a fonte, a curadoria pode ser resumida no ato de descobrir, compilar e compartilhar grandes quantidades de conteúdo na web.

Os materiais curados são apresentados em uma nova roupagem, que seja organizada e tenha significado para o leitor. O processo inclui:

  • Pesquisar;
  • Analisar;
  • Escolher;
  • Separar;
  • Organizar os conteúdos encontrados em uma ou em diferentes fontes;
  • Interpretar todas essas informações (que geralmente são de temas específicos);

Ao dar os limites do que é ético e esclarecer o modus operandi da curadoria, a produção ficará muito mais fácil!

Passo 5: A importância da distribuição e da periodicidade

Em quais canais os conteúdos serão distribuídos: redes sociais, blog ou email marketing? E com qual frequência: diários ou semanais? Os materiais precisam ter periodicidade e serem programados com antecedência, sendo misturados com os produzidos pela equipe interna.

Não esqueça também de priorizar o funil de vendas e a jornada de compra!

Como você percebeu, realmente o trabalho de curadoria são é simples! É necessário ter uma estratégia traçada, uma programação assertiva e muito empenho de quem a planeja.

Quer saber agora como colocar todas essas ideias em prática? Ou conhecer mais sobre os conceitos de curadoria de conteúdo? Continue lendo nossa série especial de conteúdos sobre o assunto!

Veja Também:

Por que a curadoria de conteúdo se tornou tendência? Está na hora de pensar com cuidado na estratégia de marketing digital, levando em conta a realização de curadoria de conteúdo. Ainda mais em um cenári...
Como fazer curadoria de conteúdo na prática? A curadoria de conteúdo hoje não é mais uma opção para as empresas que têm estratégias de marketing digital, mas sim uma necessidade. E, enquanto a in...
Já pensou em curadoria de conteúdo como forma de escalar os conteúdos do seu blog? Precisando escalar os conteúdos no seu blog? A Curadoria de conteúdo é a solução cada vez mais presente nas empresas. A Curata, empresa americana que...

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar

wpDiscuz