Grandes Mulheres na Ciência

Grandes Mulheres na Ciência

Pense na palavra “cientista”. O que lhe vem à cabeça? Provavelmente a imagem de um homem, vestindo jaleco branco, manuseando um microscópio e tubos de ensaio. É provável que você tenha pensado em Albert Einstein. Se sim, a culpa não é sua.  O desenvolvimento científico e tecnológico foi, desde sempre, protagonizado por homens, enquanto o papel das mulheres, por muitas vezes, foi relegado ao esquecimento histórico.

Por isso, filmes como “Estrelas Além do Tempo”, indicado ao Oscar de 2017, que mostra a trajetória de três mulheres negras, Katherine Johnson, Dorothy Vaughan e Mary Jackson, que foram fundamentais nas empreitadas espaciais norte-americanas na década de 1960, causam certo estranhamento. Não estamos acostumados a ver a mulher ocupando estes espaços.

No entanto, você sabia que, por exemplo, a primeira programadora de computadores da história foi uma mulher? Ainda que ofuscadas, as mulheres sempre estiveram presentes na ciência e na tecnologia. Suas contribuições são inestimáveis, e sem elas, é muito difícil imaginar como seria, por exemplo, a computação nos dias de hoje.

Para celebrar o Dia Internacional da Mulher, confira cinco grandes mulheres na ciência, que tiveram papel fundamental para a construção do mundo em que vivemos hoje:

Marie Curie

marie-curie

Nascida em Varsóvia, no Reino da Polônia, no ano de 1867, Marie Curie foi uma das mais influentes mulheres de seu tempo. Ela foi a primeira pessoa, e a única mulher  na história, a ganhar o Prêmio Nobel duas vezes. Em 1907, foi laureada com o Nobel de Física; em 1911, pelo Nobel de Química.

Entre suas conquistas mais importantes, estão: técnicas de isolamento de isótopos radioativos; elaboração teoria da radioatividade; primeiros estudos acerca do tratamento de neoplasmas por meio de isótopos radioativos, descoberta dos elementos polônio e rádio; fundação dos Institutos Curie, hoje centros de pesquisa médica de grande relevância.

Gertrude Elion

Gertrude_Elion

Elion nasceu nos Estados Unidos, na cidade de Nova Iorque, em 1918. Foi uma mulher extremamente relevante para o campo da ciência e da saúde, mas não só disso vivia esta mulher: Gertrude era também apaixonada por viagens, artes, dança, música, teatro e fotografia. Foi homenageada com o Nobel de Medicina e Fisiologia no ano de 1988, por suas descobertas para o tratamento de doenças como AIDS, herpes, leucemia e malária.

“Não tenha medo de trabalho difícil. Nada vale a pena se vem fácil. Não deixe que os outros o desanimem ou digam-lhe que você não pode fazê-lo. Na minha época, disseram-me que as mulheres não entram na Química. Eu não vi nenhuma razão para que eu não pudesse entrar.” Gertrude Elion

Ada Lovelace

713px-Ada_Lovelace_portrait

Augusta Ada Byron, conhecida como Condessa de Lovelace, nasceu em Londres, em 1815. É a única filha legítima de Lorde Byron, maior poeta inglês de seu tempo, embora tenha convivido com o pai por pouco mais de três meses, quando Lord Byron abandonou a Inglaterra para sempre.

Desde criança, Ada foi incentivada pela mãe nos estudos de matemática. Dessa forma, já jovem, Ada Lovelace auxiliou Charles Babbage em seu projeto, uma Máquina Analítica. As anotações de Ada para o projeto são consideradas o primeiro algoritmo criado com o propósito específico de ser implementado em um computador. Por isso, Ada Lovelace é considerada a mãe da computação, a primeira programadora da história.

Frances Allen

1024px-Allen_mg_2528-3750K-b

Nascida em Nova Iorque, no ano de 1932, Frances E. Allen é um dos nomes mais relevantes na história da informática norte-americana. Por suas contribuições à computação, recebeu o Prêmio Turing, em 2006. Além disso, foi a primeira mulher IBM Fellow; e o prêmio IBM Ph.D. Fellowship foi fundado em sua homenagem.

Entre suas realizações de maior impacto pode-se citar seu pioneirismo no campo de otimização de compiladores, ou seja, programas que, partindo de um código fonte de linguagem compilada, desenvolvem programas equivalentes, em linguagem “traduzida” e de fácil entendimento; otimização de códigos e algoritmos; além de ter contribuído o sistema de inteligência em linguagens de programação e códigos de segurança para National Security Agency (NSA).

Barbara McClintock

Barbara_McClintock_(1902-1992)_shown_in_her_laboratory_in_1947

Natural de Hartford, nos Estados Unidos, Barbara nasceu em 1902. Se tornou, devido às suas inestimáveis contribuições ao campo científico, um dos nomes mais importantes na história da biologia. Barbara McClintock descobriu elementos genéticos móveis, e foi a primeira a perceber que a informação genética “jamais fica imobilizada”. Graças à essa descoberta, passadas três décadas, McClintock foi homenageada com o Prêmio Nobel de Medicina e Fisiologia em 1983. Barbara foi botânica e especializou-se em genética.

“Nunca pensei em parar, e eu sempre detestei dormir. Não poderia ter uma vida melhor.” Barbara McClintock.


Este são somente alguns exemplos de como a mulher têm mudado o mundo nos últimos séculos, deixando um legado imensurável para a humanidade em diferentes áreas. Seja na ciência, na tecnologia, na educação ou no marketing, o lugar da mulher é onde ela quiser.

Feliz 8 de março, Dia Internacional da Mulher!

cta_ebook_horizontal

Veja Também:

Obrigado a você que foi ao RD Summit e contribuiu para o Projeto Resgate Aqui na Motor de Conteúdo acreditamos que a transformação e evolução das pessoas acontece por meio do aprendizado e troca de experiência. Somos volun...
Em entrevista, John Doerr conta como as OKRs foram adotadas no Google e Intel Em entrevista especial com John Doerr, ele compartilha como a metodologia das OKRs (Objectives and Key Results) foi adotada pela Intel e, mais tarde, ...
Vaga de estágio para Designer Venha trabalhar conosco! Vaga de estágio: Designer Procuramos profissionais apaixonados por criação, e que sejam curiosos e interessados em dife...
Origens do marketing de conteúdo: como tudo começou? Que o marketing de conteúdo caiu no gosto do meio empresarial no Brasil e no mundo não é novidade para ninguém. Muita gente acreditou que pudesse se t...

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar

wpDiscuz