Inbound Marketing x Outbound Marketing: qual a diferença?

Inbound Marketing x Outbound Marketing: qual a diferença?

Falar sobre  inbound marketing e outbound marketing é falar sobre o novo versus o tradicional. São duas formas diferentes de fazer marketing que se complementam. No caso do inbound o objetivo é conquistar a atenção do cliente de forma espontânea, o marketing de conteúdo é uma das suas ferramentas mais importantes; enquanto no outbound a comunicação acontece de forma mais direta. Um bom exemplo é o caso do marketing digital no facebook e o telemarketing.

Inbound Marketing

No inbound tudo acontece pensando em chegar na venda por meio de conteúdo que faça a diferença para o leitor. Os conteúdos produzidos são voltados para atração, conversão, e relacionamento com seu cliente potencial.  Por meio de informações relevantes o consumidor é engajado e continua seguindo em frente até sentir o desejo, ou a necessidade, de comprar o seu produto ou serviço. Por isso, os conteúdos são produzidos sempre focados em ganhar o interesse do consumidor de acordo com o seu momento na jornada de compras.

O melhor da novidade, é que o inbound marketing costuma ser 62% mais barato que o formato tradicional (fonte: Viver de blog).

Outbound Marketing

Embora seja exigida uma verba bem maior para manter a estrutura necessária, o outbound continua sendo uma importante ferramenta de apoio às vendas. Costuma acontecer por meio da comunicação ou anúncios em massa como no caso televisão, rádio e outdoor, onde muito investimento financeiro é necessário. E-mail marketing, mala direta, anúncios em revistas e eventos são outros exemplos. Nestes casos, o grande desafio é fazer a segmentação para atingir o público certo e medir os resultados, onde não existe uma forma precisa para medir o retorno onde o custo é bem elevado.

Inbound e Outbound juntos são mais fortes!

Não se trata, porém, de escolher entre um ou outros. Cada vez mais, inbound e outbound marketing têm se complementado, sendo essenciais no bom desempenho um do outro. Por exemplo: pode-se fazer um evento, ou montar um ponto de vendas para coleta de dados de clientes em potencial (outbound) e posteriormente enviar conteúdos de valor para essas pessoas (inbound). Portanto, é possível convergir os dois conceitos, de acordo com o orçamento da sua empresa de tecnologia.

Veja Também:

Sua empresa usa o LinkedIn, mas como interpretar seu desempenho? O LinkedIn tem no Brasil 21 milhões de usuários. É a maior rede profissional do mundo, totalizando 364 milhões de usuários. Analisar seu setor de atua...
Conteúdo leve, relevante e interativo para nichos específicos De nada adianta estratégia de marketing de conteúdo se a produção não têm apelo e profundidade. Aprenda a construir materiais que interessem sua buyer...
Sua empresa de tecnologia usa a persona em todas as áreas? É a partir da buyer persona que se desenvolve quase toda estratégia de marketing de conteúdo, nela se baseia o processo de atração, conversão, vendas ...
Persona no cinema: confira 9 filmes e séries que retratam a sua importância Aprenda, com 9 exemplos, a importância de utilizar filmes e séries na construção de  personas no marketing de conteúdo. A utilização da persona no ma...

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar

wpDiscuz